Objectivos

Associação de Suinicultores dos concelhos de Santiago do Cacém, Sines e Grândola - é uma organização sócio-profissional de incidência regional, cujo objectivo principal é a defesa dos interesses dos suinicultores do Alentejo Litoral e a promoção da sua melhoria profissional. Fundada há dez anos, representa a maioria destes empresários da região, tendo pautado a sua acção, desde sempre, pela isenção e imparcialidade nas decisões. Tem setenta e cinco associados que, no conjunto, possuem 8.100 porcas reprodutoras ou porcos equivalentes. A maioria das explorações funciona em ciclo fechado e estão razoavelmente equipadas do ponto de vista técnico. A inserção destas, na realidade agro-pecuária regional, demonstra a sua grande importância em termos sociais e económicos. Sendo que o concelho de Santiago do Cacém é o mais significativo no volume de produção suinícola (mais de 60% do total), não é, todavia, de desprezar a produção nos restantes, com especial destaque para Grândola.

A SAGRAN, ao longo dos anos, tem dado um apoio constante em questões ambientais. Tem tido um papel de intervenção junto do poder regional e ou central. Na defesa dos seus associados tem levado a cabo diversas sessões de esclarecimento, sobre temas diversos que passam: pela actividade reprodutiva, legislação, o futuro da suinicultura a curto, médio e longo prazo. A associação representa, nestes últimos anos, os suinicultores da sua região de intervenção nos mais diversos locais, tais como: a Federação, da qual é a quarta associada federada, o seu presidente de direcção é um dos actuais vice-presidentes da FPAS.